Áreas de Voluntariado

Porquê áreas “SER+”?

Por acreditarmos que o processo de voluntariado poderá contribuir para o desenvolvimento integral da pessoa, através de uma dinâmica de partilha de saberes recíproca. Voluntários e destinatários poderão potenciar entre si aprendizagens para "SER+". 

 

7 áreas SER+ (Voluntariado com periodicidade semanal/quinzenal):

SER+ Abrigo: voluntariado destinado a apoiar pessoas em situações de vulnerabilidade;
Propósito:

  • Apoiar e acompanhar pessoas "sem-abrigo", através da preparação e serviço de refeições;
  • Acompanhar a Pastoral Penitenciária junto dos reclusos;
  • Apoiar na integração e inclusão de pessoas refugiadas e/ou emigrantes.

 

SER+ Ambiente: voluntariado em atividades que promovem a defesa do ambiente;
Propósito:

  • Participar em ações de sementeira e produção de espécies florestais ações de manutenção, cuidado e monitorização da produção de plantas em viveiro.

 

SER+ Especial: voluntariado destinado a pessoas com deficiências;
Propósito:

  • Apoiar adultos ou crianças com perturbação mental através de atividades lúdicas e pedagógicas.

 

SER+ Exemplo: voluntariado destinado a crianças/adolescentes (contexto educativo);  
Propósito:

  • Acompanhar adolescentes em risco de abandono/insucesso escolar através de apoio tutorial em escolas;
  • Apoiar crianças ou adolescentes através da dinamização de atividades extracurriculares e acompanhamento no estudo - ATL’s.

 

SER+ Profissional: voluntariado que permite aplicar na prática os conhecimentos obtidos na formação académica;
Propósito:

  • Desenvolver atividades especializadas em alguma área académica de forma a ajudar Instituições necessitadas, com o objetivo de aprender fazendo.

 

SER+ Sabedoria: voluntariado destinado a pessoas com idade superior a 50 anos;
Propósito:

  • Acompanhar idosos, em lares/centros de dia, através da dinamização de atividades de tempos livres e apoio nas suas tarefas diárias;
  • Visitas domiciliárias a idosos que se encontram em situações de isolamento social.

 

SER+ Vida: voluntariado destinado a pessoas hospitalizadas;
Propósito:

  • Apoiar e acompanhar crianças/adultos que se encontram hospitalizadas e seus respetivos familiares.

 

Voluntariado Pontual

Os voluntários que não estejam dispostos a assumir um compromisso regular e anual com a CASO, podem optar por um regime pontual. Através de uma inscrição, o voluntário fica numa base de dados da CASO para ser contactado quando surgir uma necessidade por parte das instituições parceiras. Neste regime, o voluntariado recebe um certificação de participação na atividade.